Tenho um casamento com o diabetes há 19 anos

Tenho um casamento com o diabetes há 19 anos

Dando continuidade à nossa série de depoimentos, hoje temos a alegria de compartilhar a história da Heloísa, que é diabética do tipo 1 e que tem um blog onde compartilha todas as suas experiências adquiridas ao longo dos 19 anos de convivência com o diabetes. Olá, meu nome é Heloisa Altenburg, 21 anos de idade, e tenho um casamento com a diabetes tipo 1 ( Diabetes Mellitus 1)  há 19 anos. Sim,um casamento em que há brigas e desavenças. Fiz o blog “Uma doce vida” Leia mais

Você sabe o que é Hemoglobina Glicada (Glicosilada)?

Você sabe o que é Hemoglobina Glicada (Glicosilada)?

Hemoglobina glicada é a média das glicemias nos últimos 90 dias. A glicose fica “acoplada” à hemoglobina que está presente nas células vermelhas do sangue (hemáceas). Ela também é representada pela sigla HbA1c, que é uma das frações mais estáveis dosadas no sangue. Ela não se modifica com o jejum da véspera do exame. Portanto, não adianta controlar a diabetes somente na véspera de fazer o exame, pois é ela quem irá acusar se o seu controle está ou não está de acordo com os Leia mais

O emocionante relato de uma mãe sobre o diabetes

O emocionante relato de uma mãe sobre o diabetes

  Dando início à nossa série de depoimentos de superação, resolvemos postar o depoimento de Marlene Salete Batiston Corrêa, pedagoga aposentada e mãe de Bianca Batiston Corrêa Moribe, diabética tipo 1 há 25 anos, farmacêutica e proprietária da Farmácia Doce Dia. Esperamos que estes depoimentos sirvam como inspiração a todos os diabéticos que desejam lidar harmoniosamente com a sua disfunção, buscando uma vida mais feliz e saudável.   Tudo ocorria normalmente em nossas vidas, quando em meados do mês de novembro de 1988, nossa filha Bianca começou a emagrecer consideravelmente. Aos Leia mais

Insulina: Por que se faz necessário aplicá-la?

Insulina: Por que se faz necessário aplicá-la?

O organismo humano precisa de um hormônio chamado insulina para transformar os alimentos na energia necessária ao funcionamento das células e dos órgãos. Pessoas normais produzem insulina em um órgão chamado pâncreas. Quando uma pessoa adquire o diabetes, seu pâncreas progressivamente vai perdendo a capacidade de produzir insulina. Em algum momento (geralmente, alguns anos após o início do diabetes tipo 2, ou logo no início do diabetes tipo 1), o indivíduo diabético precisa repôr a insulina que o seu organismo não consegue mais produzir. A forma de aplicar essa Leia mais